...

Representar as pessoas e fortalecer as organizações sociais.

...

...

...

...

terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Fiorotti na busca de soluções para regularização fundiária da Vila União dos Operários

Na última segunda-feira, 19/02, o vereador Ivo Fiorotti esteve com o presidente da Associação dos Moradores da Vila União dos Operários - AMVUO, Alcindo Rodrigues, no Serviço de Assistência Judiciária Gratuita da UniRitter – SAJUIR. Conforme Fiorotti, a conversa foi voltada para as questões que envolvem a parceria entre a instituição e o município em relação aos processos de regularização fundiária. “Estamos com o objetivo de buscarmos melhorar nossa parceria com relação aos processos de usucapião que tramitam no judiciário de Canoas. Foi nossa primeira conversa deste ano, e tivemos boas notícias quanto à disposição da UniRitter em continuar na parceria com o Programa de Regularização Fundiária da Prefeitura de Canoas”, destacou.

O vereador Ivo Fiorotti vem tratando deste tema diretamente com a diretoria de Regularização Fundiária, onde já participou de diversas reuniões para que seja possível avançar nos entraves que estão ocorrendo. Na última semana, o parlamentar solicitou uma audiência com o prefeito Luiz Carlos Busato para tratar sobre essa questão.

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Empresa de telefonia atende reivindicação do mandato do vereador Ivo Fiorotti


Na última semana, a empresa de telefonia OI, esteve na Rua Romeu Morsch, no bairro Harmonia, para atender uma solicitação do mandato do vereador Ivo Fiorotti (PT). Em dezembro, nosso gabinete solicitou que a empresa OI organizasse o "emaranhado" de fios na localidade.
O pedido foi encaminhado após a comunidade relatar o descaso das companhias telefônicas, principalmente referente aos cabos (fios) que são deixados acumulados nos postes. O problema estava prejudicando o trabalho das próprias empresas e dos serviços de energia elétrica. Em alguns casos, os fios acabavam caindo na via pública e prejudicando o ir e vir das pessoas.

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Câmara cobra da Corsan uma solução sobre o fornecimento de água em Canoas


A sessão da última quinta-feira, 15/02, a Câmara Municipal de Canoas recebeu o diretor de Operações da Corsan, Eduardo Carvalho, para prestar esclarecimentos relacionados ao cheiro e gosto da água fornecida pela empresa nos últimos dias. A presença do diretor gerou manifestações de vereadores e da comunidade presente na sessão.
Carvalho apenas reforçou o que já vinha sendo divulgado nos veículos de comunicação da região. Conforme o diretor, as alterações nas características sensoriais da água, que apresenta odor e gosto de terra, são resultado da grande proliferação de algas no lago do Guaíba. Além disso, a empresa está adotando providências para a solução dos problemas sensoriais, com a maior dosagem de carvão ativado à água na estação de tratamento. A captação de água bruta é realizada no Arroio das Garças, localizado no município. A diminuição do nível do arroio, conforme as informações divulgadas, permitiu que a água do Guaíba entrasse em seu leito, misturando as águas.
Os técnicos avaliam que o pico de alteração tenha ocorrido entre domingo e segunda-feira, com base nas reclamações de consumidores, e que a tendência tem sido de diminuição do problema desde então. Carvalho afirmou que a água segue atendendo a todos os parâmetros físicos, químicos e biológicos. "O incômodo não retira a potabilidade da água e não representa riscos à saúde", assegurou. O diretor acrescentou ainda que o problema é resultado de um processo natural e que cabe à Corsan agir para minimizá-lo.
Em suas intervenções, os vereadores destacaram a insatisfação dos munícipes e cobraram medidas preventivas. Os parlamentares também pediram para que a empresa amplie a comunicação com os consumidores para que situações como a registrada atualmente sejam esclarecidas imediatamente.

Com informações da jornalista Carina Jung

quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Câmara aprova Moção de Repúdio contra o aumento de 94% na passagem da Trensurb

Na sessão da última terça-feira, dia 06/02, a Câmara Municipal de Canoas aprovou moção de repúdio contra o reajuste da tarifa de 94,12% para os usuários da Trensurb, em defesa do emprego e a manutenção dos índices de subsidio de transporte coletivo de massa. A proposição foi apresentada pela vereadora Maria Eunice, representando a Bancada do Partido dos Trabalhadores (PT), e foi subscrito pelos demais vereadores, sendo aprovado em unanimidade. Com o aumento, o valor da passagem passou de R$ 1,70 para R$ 3,30.
Para o vereador Ivo Fiorotti (PT), a grande discussão está em torno da retirada do subsídio e que sua bancada está propondo o debate sobre o transporte público de massa. "Há suspeitas de que a ideia seja retirar o subsídio para garantir uma situação superavitária para depois facilitar a privatização da empresa pública", ressaltou. 

O texto do requerimento enfatiza que o transporte público coletivo urbano atende majoritariamente a pessoas de média e baixa renda no Brasil, o que torna o valor da tarifa desses serviços um instrumento importante na formulação de políticas de inclusão social e na gestão da mobilidade urbana. "O índice autorizado pelo governo federal ficou acima da inflação oficial (IPCA) do período, que foi de 79%, segundo o IBGE. Desta forma, fica evidente que o aumento foi abusivo e que este reajuste vai agravar o empobrecimento, o desemprego, a renda e o acesso aos serviços públicos como saúde, educação e lazer das famílias com menor renda", diz a moção.

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Fiorotti integra comissão especial que irá analisar proposta de alteração na lei do Programa de Habitação de Interesse Social


Na sessão da última terça-feira, 06/02, a Câmara formou uma comissão especial para analisar a proposta de alteração da Lei nº 5.553, de 20 de dezembro de 2010, que dispõe sobre o Programa de Habitação de Interesse Social. O projeto de lei é uma proposição do Executivo Municipal. Ivo Fiorotti integra a comissão representando a bancada do Partido dos Trabalhadores (PT).
Em sua justificativa, o governo relata que a proposição busca adequar a Lei nº 5.553 às normativas vigentes, considerando as alterações da Lei nº 5.961 de 11 de dezembro de 2015, do Plano Diretor Urbano Ambiental (PDUA), da Lei Complementar nº 5, de 22 de agosto de 2016, (Código de Obras do Município) e as mudanças nas portarias interministeriais que regem o Programa Minha Casa Minha Vida - 3º fase. “Considerando que o Programa Minha Casa Minha Vida Canoas e o Programa de Habitação de Interesse Social reconhecem que a produção de habitações populares destina-se às famílias que recebem até 3 (três) salários mínimos (937,00 reais x 3= R$ 2.811,00) e até 5 (cinco) salários mínimos (937,00 reais x 5 = R$ 4.685,00), respectivamente, e que o PDUA fornece incentivos à implementação de moradias, por intermédio do gravame de ZEIS, com regime urbanístico diferenciado, solicitamos a inclusão dos grupos prioritários que somente têm condições de acessar um financiamento, caso recebam um subsídio complementar, limitados à Faixa II, renda mensal bruta familiar até 4.000.00 (quatro mil reais)”, diz a justificativa.
Além de Fiorotti, compõe a comissão os vereadores José Carlos Patricio (PSD) – presidente, Marcus Vinícius Machado, o Quinho (PDT) – relator, Betinho (PTB), Linck (MDB), Gilson Oliveira (PP), Aloisio Bamberg (PCdoB), Canhoto (SD), Cris Moraes (PV) e César Augusto (PRB).

terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

VOLTA ÀS AULAS: confira as datas de retorno das EMEIs e EMEFs

As aulas das escolas da rede municipal de educação de Canoas iniciam neste mês de fevereiro. Na próxima quinta-feira, 08/02, começam as aulas da Educação Infantil (EMEIs) e no dia 20/02, do Ensino Fundamental (EMEFs).

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Fiorotti fala sobre situação do HPS e a Reforma da Previdência em sessão representativa

Na última sessão representativa, no dia 31/01, o vereador Ivo Fiorotti (PT) foi até a tribuna para manifestar sua preocupação sobre a reforma da previdência e a situação do Hospital de Pronto Socorro de Canoas (HPSC). Para o parlamentar, a reforma que vem sendo proposta pelo Governo Federal, tem o objetivo de reduzir ao máximo as políticas públicas e incentivar que os cidadãos procurem a iniciativa privada. "Infelizmente, essa é uma guerra já ganha pelo capital financeiro", lamentou.

Ao falar sobre a situação do HPSC, o vereador salientou a importância do hospital para a região, pois o mesmo atende pacientes de outros municípios. Fiorotti também citou o relatório de vistoria do local, encaminhado pelo Cremers à Câmara, e afirmou que os vereadores devem tomar conhecimento do documento e tratar do tema na Comissão de Saúde.

quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

Mais um golpe do Governo Temer: passagem da Trensurb aumenta em 94%

Para a surpresa da população que utiliza diariamente o Trensurb, mais um golpe do governo golpista e ilegítimo de Michel Temer. Foi autorizado o reajuste no valor da passagem unitária do metrô operado pela empresa de R$ 1,70 para R$ 3,30. A nova tarifa passa a vigorar a partir de sábado, dia 03/02.
Conforme Fiorotti, o governo está deixando de subsidiar o transporte dos trabalhadores e estudantes. “Eles não querem mais subsidiar a tarifa, mas sim, querem apoiar os grandes empresários e banqueiros, deixando a população mais prejudicada”, afirmou.

Nos governos de Lula e Dilma, em nenhum momento deixaram de subsidiar a tarifa do trem, que é utilizada por milhares de trabalhadores de Porto Alegre e cidades da Região Metropolitana. Manifestações estão sendo organizadas para a próxima quinta-feira, 01/02 e segunda-feira, 05/02. 

Após um ano de cobranças, RGE Sul atende pedido solicitado pelo gabinete do vereador Ivo Fiorotti

Na tarde da última terça-feira, 30/01, a empresa RGE Sul esteve na vila União dos Operários, no bairro Mathias Velho, para atender uma solicitação encaminhada pelo gabinete do vereador Ivo Fiorotti em fevereiro de 2017. A empresa realizou a troca do poste localizado na Rua Cruz Alta esquina com a Rua Campinas, que estava em situação precária, o que poderia ocasionar uma queda do mesmo em qualquer momento.
Conforme Fiorotti, a demanda foi encaminhada e cobrada soluções diversas vezes para a empresa. "Solicitamos através de uma indicação, depois em reuniões com a empresa na Câmara e seguimos monitorando para que o trabalho fosse realizado. O poste estava em uma situação muito precária e era um perigo para a população", destacou.

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Atos em Porto Alegre marcam a resistência da militância de esquerda e a defesa de Lula

Na última terça-feira, 23/01, Porto Alegre recebeu milhares de militantes do Partido dos Trabalhadores (PT), que marcaram o dia com atos políticos em defesa do ex-presidente Lula, da democracia e contra o golpe político. Pela manhã, as assessoras do mandato do vereador Ivo Fiorotti, Magda, Margareth, Nádia, Rosa e Vani, estiveram no ato com a presidenta eleita Dilma Rousseff e milhares de mulheres pela democracia e pelo direito de Lula ser candidato.
No decorrer do dia diversas manifestações marcaram o ato em defesa do ex-presidente Lula, que esteve ao final da tarde na Esquina Democrática, no centro de Porto Alegre e discursou para milhares de militantes de partidos de esquerda. O momento foi de muita comoção e de resistência ao golpe político instalado no país.

O ato com Lula contou com a presença de demais assessores e apoiadores do mandato do vereador Ivo Fiorotti.